Poesia: Em espera

Entre o cinza e as janelas
Entre atos e esperas
No meio de tudo
E sobretudo 
Entre o nada
Apressada
Talvez cansada
Um pouco em vida
Acelerada... Locomotiva!
Procuro o tom e o rosa
Sabor ... Amorosa?
Sim...
Anseio um abraço
O teu bem aqui
Pra colocar em ti
Os sorrisos que poupei
Os beijos que não dei
A vida que guardei...
Vem!
Eu estou aqui...
0 Comentários

Deixe seu comentário aqui:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...