O mundo muda...


Sem internet e celular
Lucinha e Paulo marcaram um encontro às 22h na porta do Clube Motta. Aquele encontro tão esperado, curtido, ansioso, que veio vagoroso por meio de troca de olhares e sorrisos.

Quando finalmente, ele pediu ao Carlinhos que entregasse a ela um bilhete marcando o encontro. Ela leu, segurou o risinho de alegria, já que Paulo estava de longe olhando e disse ao amigo: Diz a ele que vou!

Saíram do colégio cada qual para sua casa, veio à tarde, veio à noite... Lucinha já havia separado o vestido verde claro e Paulo fizera aquela barbinha rala!

E quando o rapaz, querendo ser pontual, saía de casa às 21h30, o pai grita lá do fundo:
_Sua mãe está se sentindo mal, vamos levá-la ao hospital rápido!!

Entraram na Brasília 1973 sem tempo de pensar em mais nada.
Entre esperas, exames e análises, pai e filho medrosos.

Enquanto as respostas não vinham, Paulo não sabia como avisar a Lucinha sobre o acontecido. Angustiado, rezava para que tudo se resolvesse logo! 22h30 e nada..

Às 23h o médico retorna:
_Pressão alta! Já está medicada, vai ficar de repouso. Pedi alguns exames e provavelmente iremos passar uma série de recomendações. Porém, não há motivos para maiores preocupações, ela já está bem!

Aliviado o rapaz, pede licença ao pai e vai para o clube. Às 23h30, como se esperava a moça não estava lá!

Os dias que se seguiram, Lucinha não quis nem saber!
_Desculpa esfarrapada é essa de mãe no hospital?, mandou falar.

Com internet e celular
No colégio, a gatinha passou. Ele interessado, já perguntou ao amigo do lado:
_Conhece, cara?
_Conheço, é a Lucinha!
_Que gata!! Você tem o Facebook dela?
_Tenho! Procura no meu lá, Luci Fernandes.
Ele mais tarde no Face, add e postou como mensagem:
_Te vejo sempre no colégio!
O papo rendeu, Lucinha gostou!
Marcaram às 22h na porta do Clube Motta.

Quando o rapaz saía para o encontro, a mãe dele passa mal e junto com o pai, a levam para o hospital. De lá, Paulo liga para Lucinha avisando:

_Pô Lucinha, foi mal! Minha mãe teve um mal estar, estamos no hospital. Vou esperar uma resposta e te ligo, ok?

Lucinha pensou:
Desculpa esfarrapada é essa de mãe no hospital? Fala sério!

E nem quis mais saber de Paulo.


O mundo muda, mas algumas mulheres não.

2 Comentários

Deixe seu comentário aqui:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...